O que é adoração? O que é estilo?

30 09 2009

O que é adoração? O que é estilo?

Pensa-se que, viver em adoração é estar o tempo todo cantando, dançando ou tocando, até mesmo orando.
Bem, na verdade tudo isso faz parte, mas, é muito mais que se possa imaginar.

Adoração quer dizer: “reverência, veneração, amor excessivo…”
Estilo: “Maneira de viver, conduta…”

Baseado no sentido literal das palavras acima, o meu modo de viver, a minha conduta deve expressar reverência, amor excessivo pelo nosso Deus.

Há diversas formas de se expressar amor ao nosso Deus, vamos ver algumas delas:

  • Comportamento: O nosso testemunho tem um grande poder de influenciar pessoas, assim como o mal testemunho tem o poder de atrapalhar Rm 14:13 , 16:17. A Bíblia diz que os escândalos são inevitáveis, mas ai daqueles, através dos quais o escândalo vier Lc 17:1. Em Rm 12:2 diz que não devemos nos conformar com este mundo, mas a igreja tem sido influenciada pelo mesmo, não havendo diferença entre eles, mas se somos sal e nos tornamos insípidos, de nada estamos valendo Mt 5:13. As pessoas têm que ver em nós algo que as atraia para Deus, as palavras que saem da nossa boca devem ser para edificação, o que estamos colocando diante dos nosso olhos pode contaminar todo nosso corpo, o que estamos ouvindo fica em nosso subconsciente, tudo influencia, então é hora de parar e refletir.
  • Modo de vestir: Certa vez, ouvi dizer que não existe moda para cristãos. Bem, se formos analisar friamente é verdade. A “moda” é muito sensual, provocante, ensina-se que o nosso corpo é para ser mostrado, que cada detalhe deve ser valorizado, principalmente nas mulheres. Quando Rebeca viu Isaque e perguntou é ele o meu noivo, ela imediatamente se cobriu Gn 24:65. Interessante, se ela tinha que chamar a atenção dele, talvez diriam a ela, mostre-se para ele, ou seja, a reação foi contrária. Se fizermos uma pesquisa entre os homens, acredito que eles, na sua grande maioria vão dizer que não gostam de mulheres que expõem seus corpos, que andam se mostrando, antes preferem aquelas que se guardam somente para eles, da mesma forma eles também devem se cuidar com a questão de se vestir decentemente, então é hora de parar e refletir.
  • Vida espiritual: Quando dizemos que amamos alguém, pensamos: o que nos levou a amar? Ouve uma condição? Foi preciso fazer algo? Pense! Se esse amor for correspondido, bem, fica melhor ainda. Procuramos saber do que a pessoa mais gosta, nos falamos todos os dias, compramos presentes, e, é lógico, esperamos que haja um retorno, senão, um só doando, acaba se esgotando. Como podemos dizer que amamos a Deus, se não falamos com ele? 1 Jo 4:20 Não procuramos saber do que ele gosta? Não damos nada a ele? Sl 116:12 Para chegar na igreja, ou em eventos e verdadeiramente adorar a Deus é necessário uma vida de intimidade com o Senhor. Para conhecermos a Deus devemos ler a Palavra, temos que Ter momentos de intimidade, de separação, de oração, não para pedir, mas para o exaltar, ou seja, nos fecharmos no nosso quarto e nos prostrarmos e deixar que Ele fale conosco Os 6:3. Tudo o que foi colocado anteriormente, vai ser tratado e acontecerá a partir do momento que aprendermos a ouvir a voz de Deus.
  • Confissão de pecados: 1 Jo 1:9 Se dissermos que não temos pecados, chamamos Deus de mentiroso 1 Jo 1:10. A confissão é constante, mas temos que andar vigilantes Mt 26:41, porque não justifica pedir perdão a todo instante por pecados que são cometidos voluntariamente, ou seja, não se esforça para mudar, acaba virando um mania, errar e confessar Hb 10:26.
  • Arrependimento: Lc 13:3 A confissão de pecados deve ser seguida por arrependimento. Arrepender quer dizer mudar de atitude, voltar atrás, ou seja tem ser algo genuíno vindo de dentro para fora, então receberemos o perdão de Deus. Você pode dizer: “eu não tenho forças pra mudar”, tome uma decisão e deixe o Senhor trabalhar, porque o natural podemos fazer, o sobrenatural, o que não depende de nós, é Ele quem faz.
  • Obediência e submissão: A obediência quebra maldição. Quantas vezes ouvimos essa frase? Mas, quantas vezes a praticamos?
    Infelizmente, encontramos pessoas que acham que não devem satisfação a ninguém, são auto-suficientes, não consultam seus líderes para nada, agem como se não precisassem de conselhos e orientações.
    A partir do momento que entendemos a importância de uma palavra pastoral, a benção do pastor para agirmos, tudo fica diferente e vemos a mão de Deus de forma sobrenatural nas nossas vidas. E não é só ao pastor, mas veja bem, o único mandamento com promessa é Ex 20:12 “Honra teu pai e tua mãe, a fim de que se prolonguem os seus dias na terra”. Então, temos que honrar nossos líderes, obedecer e sermos submissos para que possamos ser bem sucedidos em tudo que fizermos. Sermos ligados e servir à nossa igreja local, pois é nela que recebemos alimento.
  • Orar sem cessar: Orar é falar com Deus. Se não oramos, obviamente, não falamos com Deus. Então, não temos a mínima condição para fazermos a obra. Pois muita oração muito poder, pouca oração pouco poder, nenhuma oração nenhum poder. Não existe uma ligação com o Senhor sem oração.
  • Dízimos e Oferta: Não devemos comparecer à presença de Deus de mãos vazias, portanto devemos todas as vezes que formos ao encontro do Senhor, Ter algo para ofertar a Ele, como gratidão por tanto que Ele faz por nós. Quanto aos dízimos é uma questão de obediência e temor a Deus. É inadmissível um cristão não ser dizimista. Está abrindo as portas para o devorador destruir a sua vida. Adorador que não é dizimista e ofertante……


Quem é você?

Observando esses itens vemos que grande parte das pessoas, estão se confundindo e até mesmo se iludindo, pensando que são adoradores e na verdade não são.
A Bíblia nos ensina que ao ofertarmos, devemos antes refletir sobre nossas vidas e, se tivermos algo contra nosso irmão, deixar a oferta, procurá-lo, pedir perdão para depois ofertarmos, porque senão a nossa oferta não será aceita Mt 5:24. E você, como tem ofertado ao Senhor? Será que Ele tem aceito sua oferta?
Outro exemplo importante, Nadabe e Abiú morreram pois pensaram estar enganando o nosso Deus que é onisciente. Ofereceram fogo estranho Lv 10:1. O grande problema é que muitos estão achando que nada vai acontecer com a irresponsabilidade com a qual estão tratando a obra de Deus. Em Jo 4:23 lemos que “Deus está a procura de verdadeiros adoradores que o adorem em espírito e em verdade”, se Ele procura é porque não é fácil encontrar.
São coisas simples e básicas a serem observadas, mas que infelizmente, têm sido ignoradas, fazendo com que estudos sobre adoração, muitas vezes se tornem exaustivos e repetitivos. Mas a verdade é que não devemos deixar de falar.
E você? Quem é? Onde você se encaixa no que já foi falado? Sua vida tem um estilo de adoração? Pare e reflita!

O Altar

Muitos acham que a Igreja é boba. Como é isso? Bem, leva-se uma vida comum, sem maiores preocupações com buscar a Deus, ler a Palavra, orar, ações básicas para Deus nos usar como instrumentos dEle. Então, vem a hora de ministrar, cinco minutos de oração antes do culto se tornam básicos para o mover e o fluir de Deus acontecerem!!!!

No altar vamos simplesmente deixar fluir a unção e o poder que já buscamos diariamente. Deus, muitas vezes age por misericórdia e pelo povo que ali está reunido, não por causa dos “ministros” do altar. Isso é pra você se conformar ou para tomar uma atitude e se posicionar diante de Deus? Você é um sacerdote? Sacerdote que não tem intimidade com Deus é um incompetente! Ministra o que não sabe, o que não vive! Muito cuidado! Is 1:11-20

Enfim para que fomos chamados? Qual a nossa missão aqui? Is 61:1-6
Em tudo o que fizermos Deus deve ser glorificado, caso contrário, estamos trabalhando em vão ou em prol de nós mesmos. Não devemos nos esquecer que prestaremos conta de tudo o que fazemos. Cada ato, cada pensamento, tudo vai ser cobrado de cada um de nós. Portanto, muita cautela, temor e responsabilidade com o que fizermos.
Isso não é válido somente para quem está no altar, ou seja, pastores, líderes, ministros de louvor, de dança, teatro, mas todos nós.
O Grande Juiz chamará a cada um e pedirá contas Rm 14:12, 1 Pd 4:5, portanto, é hora de parar e refletir sobre cada um de nossos atos, sobre nossa vida e adorá-lo com tudo o que nós temos. Aleluia!!!!!



Wolneia Elizabeth
Líder do Ministério de Adoração & Missões
Impactando as Nações

Anúncios

Ações

Informação

One response

9 10 2009
LEANDRO SOUZA

GOSTARIA DE SABER MAIS SOBRE AS PALAVRAS DE DEUS;
SE FOR POSSIVEL ME ENVIE E-MAIL, NO MAIS, OBRIGADO PELA ATENÇÃO.

Atenciosamente
Leandro Souza

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: